Eu disse, não crie falsas esperanças nesse meu coraçãozinho, se for me entrevistar é melhor que eu apareça realmente na tela da TV ou caso contrário…o Império contra-atacará!!!

Não foi dessa vez, que eu virei famosa ou tive aquela gosma verde, cobrindo a minha cara durante a entrevista que foi feita comigo, que, by the way, nunca foi ao ar.

O caso é o seguinte, só para se situarem…durante o Fashion Rio, confesso que lá pelas tantas, não tínhamos mais nada para fazer e foi quando eu vi passar uma figura, trajando um terno meio sem gracinha, do tipo segurança de boate e com cara de CQC.

Logo, disse para as minhas amigas blogueiras “esse cara é do CQC”, elas duvidaram e eu não tive dúvidas, chamei o cara na xinxa, que, prontamente veio ao nosso encontro.

Papo vai, papo vem, resolvi fazer uma entrevista com o cidadão que tinha entrado no lugar do Rafinha Bastos e que assim, como todas nós ainda não era famoso, afinal de contas…de 5 blogueiras apenas 1 o reconheceu, né?!

Apesar de todas as bobagens fashionistas que ele disse, uma delas vocês tem que concordar comigo, foi a única certa.

O pouco que ele aprendeu em relação a moda, não foi com a Emily como todos haviam pensando e sim, no meu blog – o DQZ/ DramaQueenZen.

Portanto, não me resta outra opção, com vocês: Mauricio alguma coisa, ih, esqueci o sobrenome…ah! deixa pra lá.

Posts relacionados

  • Alguma coisa está fora da ordem!!
    Eu não espero pelo dia Em que todos Os homens concordem Apenas sei de diversas Harmonias bonitas Possíveis sem juízo final… Alguma coisa Está fora da ordem Fora da nova ordem Mundial… É com essa música do meu ídolo... Continue lendo
  • Qual é a sua marca registrada?!
    Nos dia de hoje, com a globalização, sabemos de tudo e de todos em instantes. Se uma bolsa vira hit do momento ou uma tendência é lançada, em questão de dias podemos observar nos blogs de moda, revistas, street style... Continue lendo
  • The Seventies
    O verão 2011 de Marc Jacobs inspirado nos anos 70. A moda é uma eterna nostalgia… Sempre voltando ao passado para fazer sua releitura do presente. A tendência mais forte para as próximas estações são as referências da década... Continue lendo
Comentários
  1. FeDecourt | Responder
  2. Carol Ionta | Responder
  3. Nanda Castaño | Responder
  4. salete carvalho | Responder
  5. Luly Mello (@lulymello) | Responder
  6. Inspirations And Elations | Responder
  7. J. Alvim | Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *