Isso é que é pensar magro!

Meninas, 2012 veio com tudo e esta semana eu já voltei à academia e, claro, comecei a dieta. Aprendam agora como é pensar magro!

Brincadeiras à parte, as dicas até que são boas, vai…

Imagem: curveless.tumblr

Revendo velhos conceitos

Depois que sai da adolescência há muitos anos  deixei os tênis de lado e lá eles ficaram. Por muito tempo tênis, pra mim, servia só pra viajar e fazer ginástica — não conseguia me sentir bem usando em nenhum outro tipo de produção.

Não vivo o tempo todo sobre um salto alto, mas minhas escolhas na hora de me produzir costumavam sempre acabar  neles e, precisando de conforto, corria para as sapatilhas e rasteirinhas. Ou seja, meus queridos tênis, que me acompanharam por toda a adolescência, ficaram mesmo no passado…

Até que, um belo dia, como eu já contei por aqui, na tentativa de convencer o Beto a deixar seu velho tênis por um Osklen novinho, consegui apenas que ele fosse sumariamente rejeitado. Diante de tal ato desumano, eu resolvi trocar o presente para mim!

Tênis trocado, agora só me resta usar — foi então que eu percebi que o meu tênis do passado já não era mais o mesmo.

Agora, além do circuito avião/academia, passei a observar sua presença desfilando por aàem looks casuais e até em produções mais sofisticadas. Adotei novamente o meu velho hábito de usar tênis e, para estrear com toda pompa e circunstância, escolhi logo de cara um Osklen prata.

E para inaugurá-lo, usei uma produção casual com blazer de alfaiataria — vamos ao look!

Meu Osklen 🙂

Alguns looks com tênis, cheios de bossa!

Fotos: Reprodução e DQZ

Postado: LuMich