Quer conhecer o novo perfume da Galisteu?!

Antes de apresentar o novo perfume da apresentadora Adriane Galisteu, eu vou falar sobre o nosso encontro. Aqui em São Paulo, existe um lugar muito bacana, chamado “From The Galley” – não, não é um restaurante, mas poderia ser, na verdade é uma casa, onde um simpático chef  de cozinha prepara as mais deliciosas comidas, para um grupo selecionado de pessoas.

Então, é nesse clima super descontraído, que eu encontrei algumas amigas, aproveitei para fazer novas amizades e bons contatos, sim a vida na blogosfera é amor. Depois de alguns proseccos e uns petiscos dos deuses, ela, Adriane Galisteu adentrou no recinto.

Com sorriso no rosto, cumprimentou cada uma de nós. Sentamos para conversar, como se todas fôssemos – no mínimo conhecidas de longa data – Adriane tem esse dom, contagiar o clima do lugar de bom humor. Papo vai, papo vem, as perguntas foram primeiro, obviamente sobre o perfume, passaram pelo look do dia e terminaram em questões sobre casa, família e filhos. Um pouco de tudo.

43

44

Bom, agora vamos aos detalhes sobre o EXOTIC, que vem no rastro do sucesso dos anteriores: “Adriane Galisteu (2012)”, “Fashion (2013)” e “Black (2014)”. A proposta dessa nova fragrância é mostrar o seguinte conceito “a natureza que inspira a moda, a moda que inspira a perfumaria”. Que conceito mais Galisteu, não é mesmo?!

Agora, olha só o que a Adriane fala a respeito do seu próprio perfume “Cada produto que lançamos, mostra uma faceta da minha personalidade. O Exotic expõe o meu lado moderno, que corre atrás daquilo que almejo, com muita garra e estilo”.

Esse lançamento apresenta notas florais de jasmim e íris combinadas com notas quentes de baunilha e patchoulli, “Adriane Galisteu Exotic” é um floral sensual produzido pela casa de fragrância Symrise e contou com a presença da artista em todo processo de desenvolvimento. “Foi um trabalho em equipe incrível, realizado com muito amor e dedicação, no qual resultou em uma fragrância marcante e em uma embalagem elegante”, comenta.

04

“Adriane Galisteu Exotic” – Floral Sensual

Notas de saída: Maçã vermelha, pêra, bergamota, íris e flor de laranjeira.

Notas de corpo: Fava tonka, cassis, jasmim, sambac e frangipani.

Notas de fundo: Baunilha, maltol, praline, patchouli e sândalo.

*A novidade está disponível na versão de 100 ml com preço promocional de lançamento de R$ 69,90.

*Os lançamentos podem ser adquiridos, por meio de uma das 200 mil consultoras Jequiti, localizadas em todo o país.

86

A minha opinião sobre o perfume é a seguinte: ele me lembrou muito o Angel do Thierry Mugler (que eu usei muito, anos atrás), mas sem ser exageradamente doce, eu diria que é um doce na medida certa.

Eu já fui daquelas que amava mais os perfumes doces, ultimamente prefiro a coluna do meio, nem tanto feminino, nem tanto masculino. Mas sabe, que esse perfume me deu realmente vontade de usar?! e, é justamente, o que eu estou fazendo no momento.

Confesso, que não sou dada a usar perfumes temáticos, como de atrizes ou apresentadoras, mas depois da simpatia de almoçar com a Adriane, eu precisava dar uma chance a essa novidade na minha vida. Revi os meus conceitos e passei a usá-lo, com muito gosto. “Afinal, nem sempre o caro é o melhor”, como ela mesma disse. Estou adorando.

E, o perfume da Jequiti está saindo por um preço excelente, vale muito a pena testar, vai por mim!!

55

Momentos de um almoço: “From The Galley”

07

Fotos: Marcos Ribas, AGBrazil.

 

Minhas escolhas perfumadas

Sou apaixonada por cheiros, eles despertam em mim lembranças e sensações, que na maioria das vezes me fazem cair em pura nostalgia.

Determinado cheiro é capaz de marcar um momento inesquecível, pelos quais eu já passei ou estou vivendo no momento.

Quando eu era adolescente por exemplo, gostava de usar perfumes de homens, daqueles bem fortes e nessa fase o meu escohido era o Kouros do Yves Saint laurent, onde a definição para a sua fragrância fougère é a seguinte –“feita para os homens de espírito conquistador” (muito sugestivo para a época).

Enfim, cresci e o meu gosto por perfume se tornou mais feminino, eu, até passei uma temporada usando, o “enjoativo” Angel do Thierry Mugler, que impregnava na roupa e não saia nunca mais.

Ultimamente, eu tinha dois preferidos que se revesavam entre si, dependendo do meu humor ou do lugar aonde eu ia. Era, o Amber da Prada e o Daisy do Marc Jacobs.

Amber

A fragrância do Amber é a seguinte: Résine de Labdanum de France, Feuilles de Patchouli d’Indonésie, Résine de Benjoim de Siam et Santal des Indes. Ou seja, esse perfume é para aqueles dias em que eu me sinto poderosa!!

Daisy

Já, o Daisy, é “uma fragrância floral luminosa, refrescante e feminina, com um toque reluzente”, vem num frasco lindíssimo, com margaridas na tampa. É, para aqueles dias que eu estou meiga.

Agora, eu mudei tudo novamente e optei por dois perfumes, também com o mesmo propósito de dualidade, uma espécie de yin-yang.

  • Yang: o princípio ativo, diurno, luminoso, quente.
  • Yin: o princípio passivo, noturno, escuro, frio.

As minhas bolas da vez são: o Daisy Eau So Fresh, do Marc Jacobs e o Paris, do Balenciaga.

Daisy Eau So Fresh

“Este perfume é mais frutado, mais borbulhante, mais divertido. Ao abrir seu frasco, você será transportada para um lugar ensolarado que explode com o cheiro alegre e doce das flores e frutas”. Com essa definição, esse só pode ser o meu perfume Yang, nao é?!

Paris

Agora, o meu perfume Yin é também o meu preferido. O estilista Nicolas Ghesquière, depois de 13 anos à frente da direção criativa da grife Balenciaga, lançou o tão esperado, Paris.

O perfume foi criado pelo perfumista, Oliver Polge, que o define ” como uma fragrância cheia de luz, com alguns toques dark”. Além, do toque dark, o frasco do perfume foi inspirado na famosa silhueta de Cristóbal Balenciaga, a cocoon.

Charlotte Gainsbourg é o rosto que ilustra a campanha e segundo Ghesquière, “Charlotte não tem uma definição para si própria. Esta fragrância também é assim”. ADOREI!!

Fotos: DQZ e Reprodução