Ferran Adrià é fashion

É isso mesmo, Ferran Adrià é fashion. Vestido com calça jeans, camiseta e sapatos (tudo) ALL BLACK, seguindo a linha monocromática, no mais perfeito estilo casual/básico de ser, só posso afirmar que o cara é fashion.

O cara em questão é um dos mais famosos chefs da atualidade, conhecido por ser um dos expoentes da gastronomia molecular, esse pequeno espanhol causou sensação ao adentrar no salão.

Adrià, não só esbanjou todo o seu fashionismo pelo salão, como ainda nos honrou com sua ilustre presença em nossa mesa. Não, ele não me reconheceu…apenas é amigo de ofício do também chef espanhol Sergio Torres, meu excelentíssimo cunhado.

Sorte a minha que, além de conversar com um dos melhores chefs do mundo, ainda tirei foto com direito a sorriso e tudo mais.

Algumas das iguarias…

Adrià encerrou as atividades do premiadíssimo restaurante EL BULLI na Costa Brava, considerado o melhor restaurante do MUNDO em 2006.

Hoje ao lado de seu irmão o chef  Albert Adrià, eles dirigem o badalado TICKETS em Barcelona, onde nós nos encontramos.

Para se ter uma noção de seu prestígio, conseguir uma vaga nesse restaurante de Tapas é o mesmo que conseguir comprar uma Birkin da Hermès – LONGA FILA.

TICKETS

Adrià, Greta, Albert e Franco no maior entrosamento

Gracias Chef Sergio por la noche TAN especial!! 

Fotos: DQZ

A minha festa de Babette no Dos Cielos

Para encerrrar meus posts sobre a maravilhosa cidade de Barcelona — da qual  já sinto saudades — deixei para o final uma das experiências mais saborosas e prazerosas desta viagem. Comemorei o aniversário de 15 anos do meu filho (isso mesmo, já tenho um filho dessa idade), com um jantar que muito me lembrou um filme que até hoje mexe comigo: A Festa de Babette, de Gabriel Axel.

Para entender essa ligação, vou falar vagamente sobre o filme. A história de Babette se passa em 1871 na Dinamarca. Fugida da guerra,  ela, Babette se emprega na casa de duas solteironas e, anos mais tarde, ao saber que tinha ganhado uma fortuna na loteria, resolve gastar o dinheiro do prêmio realizando um banquete em comemoração ao centésimo aniversário do pastor.

Até hoje fico admirada em ver a dedicação de Babette, ao escolher os melhores ingredientes, ao preparar os pratos com a mesma precisão de um cirurgião, e foi isso que eu senti no Dos Cielos.

A arte, a paixão e a disciplina com que os chefs Sergio e Javier Torres se dedicam à gastronomia me comoveu, como no filme de Babette. Sentar na mesa do chef e ser agraciada por um menu degustação de sete pratos, foi o ponto alto de nossa viagem. Toda a preparação do jantar pode ser vista, afinal, a cozinha é aberta para o salão e nosso lugar VIP nos dava a dimensão exata do funcionamento daquela “indústria gastronômica”, onde tudo funciona em perfeita sincronia.

Lá no Dos Cielos eles inventaram um programa de computador chamado sensografia, que serve para você expressar todas as suas sensações, emoções sentidas a cada prato e, no final, o resultado é uma tela pintada por suas próprias emoções. Na minha tela tem amor, carinho, saudades, irmã, suavidade, doçura…

Terraço do Dos Cielos

me-terraza-dos-cielos

dos_cielos_restaurant_1_jpg_630x630_upscale_q85

A mesa dos chefs e a cozinha ao fundo

dos_cielos

Sergio e Javier Torres

photo-5

Nossa comemoração, nada mais nada menos que na mesa dos chefs!!!

Screen-Shot-2012-02-27-at-7.42.09-PM

Dos Cielos
Hotel ME Barcelona
Pere IV, 272 –
286 08005 Barcelona
Reservas: 93 367 20 70

Fotos: Reprodução / DQZ