Conversando com Torquatto – SPFW

Vanessa Araujo, Fernando Torquatto e LuMich no lounge do O Boticário

Ontem no SPFW, encontrei o querido top maquiador Fernando Torquatto, que me deu a honra de uma entrevista sobre a beleza criada para o desfile do O Boticário – aqui no DQZ.

Ele contou, que a inspiração para o desfile veio de  Miami  Sunset – as cores usadas eram as mesmas cores do pôr do sol, começando pelos bronzes, laranjas, pêssegos passando pelos azuis e seus vários tons, como o turquesa e o royal.

Chegando aos pinks, como o vibrante neon e o feminino rosa claro, que são as cores dos prédios Art Déco de Miame. Passando pelos verdes intensos, como as folhhagens e o jardim da casa do estilista Gianni Versace, por exemplo.

No quesito batom, uma graduação de ousadia entre a boca vermelha e pink, juntamente com o gloss.

Para, Torquatto  “a mulher pode ser  sensual, colorida e chic ao mesmo tempo, sem medo de se colorir”.

Conselhos preciosos de Torquatto:

1- Invista em um primer de alta definição para preparar a pele.

2- Sempre tenha um iluminador para dar um brilho no rosto.

3- É fundamental, um blush colorido pra dar um ar saudável ao rosto.

4- Corretivo sempre, de preferência líquido.

5- Tenha um bom produto para deixar a sua sobrancelha impecável.

A partir disso, você faz o que qusier.

* E para quem achou, que boca vermelha e sombra colorida não cobina, se enganou.  Torquatto manda avisar que, além de chic o único detalhe a se tomar é limpar alguma coisa dentro do look, por isso prenda o cabelo e arrase.

LuMich e Torquatto

Fotos: DQZ

Blush — o rosa repaginado

Como usar a cor rosa sem se parecer com uma menininha?

No meu caso, a minha fase rosa começou na infância e durou até o começo da adolescência — quando tudo o que eu mais queria era parecer com as meninas mais velhas e o rosa, definitivamente, não me ajudava nessa tarefa.

Mudei radicalmente de cor e fui para o preto, passei a desprezar o rosa e não o aceitava nem nos pequenos detalhes. Achava muito feio ver mulheres se vestindo como crianças e abusando da cor rosa num look pink total.

Mas agora, para o meu desespero, o rosa voltou com tudo e com novo nome, ele é chamado de Blush (mistura entre o rosa e o champanhe). Especialistas no assunto dizem que, apesar da afinidade do blush com o universo girly, ele deve ser usado com peças refinadas, bem longe dos froufrous.

Corte os excessos que lembram os famosos vestidos de debutantes e invista no ton sur ton, ou seja, peças da mesma cor com diferentes texturas. O blush caàmuito bem se misturado com cores vibrantes.

Sabendo usar o blush na medida certa, ele pode se transformar no novo básico e você ainda não corre o risco de se parecer com uma menininha.

E agora o DQZ mostra como usar o blush!

E agora o DQZ mostra como NíO usar o blush!!!

Fotos: Reprodução

Postado: LuMich