Trunk show: Tufi Duek

Em boa companhia no DESFILE de TUFI DUEK para o INVERNO 2013

Lele Pompeu E Luciana Micheletti_1572

Quando eu recebi o convite para o Desfile da FORUM by Tufi Duek, eu fiquei muito curiosa em ir, primeiro pelo desfile em si e segundo, pelo tema “Os Pássaros”.

image001

O estilista Eduardo Pombal, se inspirou no clássico filme de Alfred Hitchcok para a sua coleção. Numa releitura autoral, Pombal propões um jogo de luz e sombra através de materiais, texturas, formas e cores.

Muito preto trabalhado em diferentes matérias-primas, e tons profundos de verde, roxo e vermelho, o estilista faz uso de inovações tecnológicas para atualizar diversas silhuetas. Priorizando a mistura de tecidos, as peças ganham vida em couro, rendas enceradas, malhas de lã, lurez e paetês com diferentes brilhos e texturas.

A alfaiataria volta a ganhar destaque na passarela da marca, como nos blazer de cintura acentuada e abotoamentos duplos. As calças aparecem justas e com volume nas barras.

birds-image

O corvo, personagem crucial do filme, empresta a forma de suas asas para a assimetria das barras e par os volumes dos quadris. Seu bico inspira decotes sinuosos e pences que dão movimento aos vestidos-vedetes, com shapes e decotes sensuais.

Os comprimentos estão sempre aos joelhos, ora escondendo, ora revelando. Num vestido tomara-caia, evoca a imagem da atriz Tippi Hedren – protagonista do filme – renovando uma mulher que, antes de tudo, tem o seu corpo valorizado.

É nessa atmosfera sombria que eu conheci a coleção de Inverno 2013.

Com vocês, alguns looks do desfile e as sandálias gladiadoras o MUST HAVE da coleção.

Backstage_1481

LFP_6368_Desfile LFP_6377_Desfile LFP_6382_Desfile LFP_6404_Desfile LFP_6511_Desfile LFP_6425_Desfile

 Um pouco mais do que rolou no desfile…

yu

Fotos: Lú Prezia

Blush — o rosa repaginado

Como usar a cor rosa sem se parecer com uma menininha?

No meu caso, a minha fase rosa começou na infância e durou até o começo da adolescência — quando tudo o que eu mais queria era parecer com as meninas mais velhas e o rosa, definitivamente, não me ajudava nessa tarefa.

Mudei radicalmente de cor e fui para o preto, passei a desprezar o rosa e não o aceitava nem nos pequenos detalhes. Achava muito feio ver mulheres se vestindo como crianças e abusando da cor rosa num look pink total.

Mas agora, para o meu desespero, o rosa voltou com tudo e com novo nome, ele é chamado de Blush (mistura entre o rosa e o champanhe). Especialistas no assunto dizem que, apesar da afinidade do blush com o universo girly, ele deve ser usado com peças refinadas, bem longe dos froufrous.

Corte os excessos que lembram os famosos vestidos de debutantes e invista no ton sur ton, ou seja, peças da mesma cor com diferentes texturas. O blush caàmuito bem se misturado com cores vibrantes.

Sabendo usar o blush na medida certa, ele pode se transformar no novo básico e você ainda não corre o risco de se parecer com uma menininha.

E agora o DQZ mostra como usar o blush!

E agora o DQZ mostra como NíO usar o blush!!!

Fotos: Reprodução

Postado: LuMich