Aqui em Ibiza isso é impossível!

A balada vai longe, e, apesar de não pertencer a essa turma, tudo aqui termina muito tarde — o sol se põe quase às dez da noite, a música não é desligada antes das duas da madrugada — e o resultado são olheiras e uma cara amassada para quem quiser curtir o dia.

Passeando pelas ruas daqui, descobri uma espécie de “25 de Março Ibicenca”, chamada La Sirena.

Aqui tem de tudo um pouco: roupas, perfumes, bolsas, camisetas I Love Ibiza, brinquedos e… cremes, muitos cremes.

Foi nessa seção que descobri a solução dos meus problemas — a Garnier tem uma linha criada para eliminar as inconvenientes olheiras: um pequeno bastão roll-on ativa a microcirculação à base de cafeína e os antioxidantes à base de uva combatem os radicais livres. Toda essa explicação científica é, na prática, pra dizer que funciona. Aliás, existem dois modelos: um só para massagear as olheiras e outro, 2 em 1, que além de hidratar também serve de corretivo.

Sei que no Brasil a L’Oréal acabou de lançar um produto semelhante, mas ainda não havia testado. Acabei comprando aqui os dois modelos e virei fã, passei a usar todos os dias.

Ah! O preço do L’Oréal Revitalift no Brasil é cerca de R$ 50,00 e aqui o da Garnier é € 13.50, bem razoável, não acham?!

Categorias: Beleza
Publicado por Lu Mich

Posts relacionados

  • Dicas para sair bem na foto
    Todo mundo gosta de sair bem em fotografias, mas apenas alguns conseguem essa façanha. Não existe quem não se ache gordo, feio, narigudo, bolachudo e por ai à fora. Eu que preciso tirar fotos constantemente para o blog, muitas... Continue lendo
  • Dicas da Lulu
    Hoje resolvi falar de beauté — vou mostrar um pouco dos meus cuidados de beleza. Sou muito branquinha, a típica camarão quando toma sol, e é por isso que resolvi que eu e o sol somos amigos apenas à... Continue lendo
  • Happy Hour de beleza
    Hoje cedo a minha manicure feita no último sábado estava começando a querer descascar. Foi só eu sair da piscina (eu faço natação) e constatar que o esmalte todinho virou história. E o pior é que tinha um dia... Continue lendo
Comentários
  1. Roberta Carvalho | Responder
  2. mariana | Responder
  3. natalia | Responder
  4. Regina Carvalho | Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *