Como usar a cor rosa sem se parecer com uma menininha?

No meu caso, a minha fase rosa começou na infância e durou até o começo da adolescência — quando tudo o que eu mais queria era parecer com as meninas mais velhas e o rosa, definitivamente, não me ajudava nessa tarefa.

Mudei radicalmente de cor e fui para o preto, passei a desprezar o rosa e não o aceitava nem nos pequenos detalhes. Achava muito feio ver mulheres se vestindo como crianças e abusando da cor rosa num look pink total.

Mas agora, para o meu desespero, o rosa voltou com tudo e com novo nome, ele é chamado de Blush (mistura entre o rosa e o champanhe). Especialistas no assunto dizem que, apesar da afinidade do blush com o universo girly, ele deve ser usado com peças refinadas, bem longe dos froufrous.

Corte os excessos que lembram os famosos vestidos de debutantes e invista no ton sur ton, ou seja, peças da mesma cor com diferentes texturas. O blush caàmuito bem se misturado com cores vibrantes.

Sabendo usar o blush na medida certa, ele pode se transformar no novo básico e você ainda não corre o risco de se parecer com uma menininha.

E agora o DQZ mostra como usar o blush!

E agora o DQZ mostra como NíO usar o blush!!!

Fotos: Reprodução

Postado: LuMich

Categorias: Moda
Publicado por Lu Mich

Posts relacionados

  • Pincéis de maquiagem e suas utilizações
    Cada vez que eu paro na frente de um balcão de maquiagem, fico perdida com a quantidade de pincéis. Fico imaginando se SÓ a Julia Petit é capaz de usar e saber a função de cada um ou se... Continue lendo
  • Trunk show: Tufi Duek
    Em boa companhia no DESFILE de TUFI DUEK para o INVERNO 2013 Quando eu recebi o convite para o Desfile da FORUM by Tufi Duek, eu fiquei muito curiosa em ir, primeiro pelo desfile em si e segundo, pelo... Continue lendo
  • Think Pink
    Eu preciso falar uma coisa importantíssima, a cor do verão 2014 é PINK – goste você ou não. Vários foram os estilistas nestas últimas semanas de moda, que desfilaram suas coleções com as mais diversas versões da cor, ou... Continue lendo
Comentários
  1. Renata Carvalho | Responder
    • LuMich | Responder
    • Fe Decourt | Responder
  2. Cora | Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *