Foto: MARCIA GAMMA

Eu sou do tipo que quando gosta, simplesmente gosta MUITO!!

E como eu havia dito no post anterior AQUI à respeito da minha mais nova paixão fashionista, a marca criada pelo estilista Kenzo Takada.

Hoje eu resolvi que é dia de mostrar meu outfit Kenzista, ou melhor dizer uniforme (tirando a bolsa) TODO o resto pertence a marca.

Esse vestido é incrível e foi amor à primeira vista, ele pode ser usado de duas maneiras, do jeito que está na foto com cinto, marcando bem a cintura ou sem cinto, completamente solto, o que muda totalmente o conceito da roupa (não tenho foto dessa maneira, mas prometo em breve colocar aqui).

Aliás, ele lembra o estilo japonismo, aquele em que Yohji Yamamoto, Rei Kawakubo e Issey Miyake, encabeçaram o movimento criado nos anos 80, onde as formas esculturais e arquitetônicas faziam parte de um novo conceito na moda.

Em 2013, o estilo voltou com força total através de Haider Ackermann, da Hermés, Pucci, Prada e Etro, que fizeram uma nova releitura do estilo.

PicFrame

E como bem disse, Adriana Bechara, editora da revista Glamour “Os japonistas impuseram um estilo urbano, assexuado, basicamente preto e cheio de volumes que apagavam as linhas do corpo para criar uma nova silhueta, mais conceitual e cerebral. A diferença é que o que vimos aqui foi um resgate traduzido para a atualidade, mais leve e menos asséptico”.

Foto: MARCIA GAMMA Foto: MARCIA GAMMA Foto: MARCIA GAMMA

Fotos: Marcia Gamma

 

Posts relacionados

  • Pat Bo by Patrícia Bonaldi
    Pat Bo, é a segunda marca da estilista mineira Patrícia Bonaldi, feita para um público jovem, com uma pegada mais urbana e que tem muito estilo na hora de se vestir. O lançamento da nova linha, tem um time... Continue lendo
  • Leggings by Black Milk Clothing
    “Então, quem sou eu? Eu sou apenas o cara com o trabalho mais legal do mundo.” É com essa frase do criador da Black Milk, que eu vou começar esse post que tem por trás uma história incrível de... Continue lendo
  • Enquanto isso…
    Estou em plena viagem #DQZtrip, uma confusão de jetlag na minha cabeça, por exemplo agora estou no Japão e são 5 horas da manhã, não consigo mais dormir e recorri ao laptop para esperar o café da manhã abrir... Continue lendo
Comentários
  1. Katia | Responder
    • Luciana Micheletti | Responder
  2. regina carvalho | Responder
    • Luciana Micheletti | Responder
  3. LUCIANA VILELA | Responder
    • Luciana Micheletti | Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *