Joan Crawford – 1945

História: Moda

Com o início da Segunda  Guerra Mundial (1939-1945), a moda passou por um período longo de recessão e as roupas femininas, agora, mais masculinizadas, passaram a ter as suas saias mais justas — sem a abundância de tecidos, que na época eram racionados, o visual se-tornou padronizado.

A saia lápis então, segue pelas décadas de 40 e meados da de 50 — até o surgimento do New look de Christian Dior.

Tendência: Saia lápis

Sempre elegante a saia lápis volta com ares renovados, apesar de ser um eterno clássico, ela voltou mais moderna e aberta a novas combinações — o que de fato é a diferença.

Com ela mais contemporânea, as opções são múltiplas, desde uma blusa de seda até uma camiseta podrinha, tudo vai depender do seu estilo. Na altura do joelho e ajustada no quadril, não tem quem não fique elegante e com um ar de poderosa vestindo uma saia dessas.

Personagem: Carine Roitfeld

Ex- diretora da Vogue sabe como ninguém vestir uma saia lápis, em suas fotos mundo afora, Carine usa e abusa deste clássico dando o seu toque fashionista e fugindo do óbvio.

Conclusão: Eu quero uma!!

Visual poderoso, sofisticado e muito chic, a saia lápis pode ser uma ótima opção para o dia ou a noite — tudo vai depender de como você vai montar seu look.

Carine Roitfeld


Fotos: Reprodução

Categorias: Moda
Publicado por Lu Mich

Posts relacionados

  • Panorama geral do SPFW por Ian Bernardino
    O São Paulo Fashion Week terminou essa semana, e junto com ele a temporada brasileira de inverno 2012. Com 29 desfiles distribuídos em 6 dias, já sabemos o que vamos querer usar na estação um pouco mais fria do... Continue lendo
  • Luxo — inauguração do Studio TMLS
    A inauguração da segunda loja do Studio TMLS em São Paulo, nesta terça-feira no Morumbi Shopping, foi literalmente um luxo. Entre drinks e aperitivos, o universo fashion se reuniu em torno da descolada loja de sapatos vanguardistas. O som... Continue lendo
  • “Havaianas. As legítimas”
    Se tem um produto genuíno, que o “gringo” procura quando chega no Brasil, esse produto, são as Havaianas. Pra mim, não existe presente mais autêntico, quando eu viajo e preciso levar algo, são elas que eu trago na mala... Continue lendo
Comentários
  1. Maria Alice | Responder
    • LuMich | Responder
  2. Ana | Responder
  3. Tatiana Dutra | Responder
  4. Regina Carvalho | Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *