Semana passada tive o prazer de assistir a uma sessão de cinema, apenas para a imprensa, blogueiros e afins, de “Praia do Futuro”, do diretor Karim Aïnouz, com direito a coletiva de imprensa na sequência, o que me deixou muitíssimo feliz afinal de contas iria ver ao vivo e a cores um dos atores que eu mais admiro o Capitão Nascimento, ops, o Wagner Moura.

O filme gira em torno de 3 personagens principais: Donato, vivido por Wagner,  Konrad vivido pelo alemão, Clemens Schick e Ayrton, vivido pelo cearense Jesuíta Barbosa.

coletiva de imprensa

Uma história densa, melancólica, silenciosa na maioria da cenas, mas muito intensa na interpretação dada pelo seus personagens, que passa entre o Ceará e Berlim. Quem espera ver Wagner Moura viril, como já o viu no passado não irá se decepcionar, o bombeiro foge de qualquer estereótipo homossexual, e sob aplausos, diz que o que faz parte da vida é de fórum intimo de cada um, e afirma que isso “Não deva ser assunto para os outros”.

Já Clemens responde a uma das perguntas (recorrentes) da plateia, neste mundo em que vivemos “Como é fazer um personagem gay?!”, onde ele responde com uma reflexão, “Porque nunca fazem a pergunta ao contrário, como você se prepapra para fazer um personagem heterosexual?!”, e afirma sobre as cenas de sexo, que são várias na sua carreira “Não é a coisa mais difícil de se fazer como ator”.

Sobre a dificuldade da língua, Wagner afirmou que a professora tinha certeza que em dois meses ele falaria alemão, mas que na verdade…“Não ía saber falar alemão”, inclusive em uma cena grande com a mergulhadora, sua fala foi totalmente cortada, resultado, “Ficou nada”. Risos.

Para encerrar a coletiva, Karim termina com uma frase “Eu quero dominar corações e mentes”,  sobre o tom do filme, ele ainda afirma que neste sentido é o seu filme mais ambicioso. A música hoje é um plus a mais neste neste filme, antes no passado na sua visão era coisa de americano, mas agora dessa vez “chutei o balde, nessa eu queria trilha, arrebatadora, odeio instrumento de sopro, queria música masculina”.

image

389510-970x600-1-620x383

389511-970x600-1-620x383

Confira o trailer do filme:

Coletiva de Imprensa

Fotos: Divulgação

 

Posts relacionados

  • De bike por Berlim
    Moro em São Paulo, cidade onde andar de bicicleta é sinônimo de lazer, (principalmente) aos domingos pra uma galera animada. Já euzinha, nunca tive essa vontade de andar de bike pelas ciclofaixas daqui de maneira recreativa, muito menos para... Continue lendo
  • Entre Narcos
    Se tem uma coisa que eu ADORO, essa coisa é um bom filme ou uma boa série. Eu sou do tipo meio obsessiva, super ansiosa e desesperadamente dramática para terminar, no caso todas as temporadas/episódios. Minha última série tinha... Continue lendo
  • Berlim – Boros collection
    Passar o Ano Novo no Portão de Brandemburgo com sua família não tem preço (acho que isso é de alguma propaganda?!!) mas, o melhor foi descobrir a cidade de Berlim. Ficamos encantados pela cidade, que exalava história por todos... Continue lendo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *