IMPORTANTE antes de começar a ler este post, aperte o play!!

Viajar é ótimo — ponto. Voltar para casa é melhor ainda. Além das lembranças, das fotos, dos presentinhos,  quando você consegue transformar uma música em tema da sua viagem,  ela fica ainda mais especial.

Sabe aquela música que você adora logo da primeira vez que escuta?! Então, eu ainda nem sabia o nome da cantora, mas a música “Rolling in the deep” mexia comigo sempre que eu escutava.

E foi essa música deliciosa que marcou minha recente viagem a Barcelona. O clipe é bárbaro, dá vontade de sair dançando, principalmente na parte das palmas… a voz potente de Adele — depois eu vim a saber seu nome — me impressionou.

E uma das coisas que me chamaram atenção nela foi seu estilo, apesar de ser fora do padrão — o que poderia ser um problema.  Adele parece saber usar isso a seu favor,  transferindo toda a atenção para seu lindo rosto e seus cabelos, ora super penteados, ora soltos ao vento.

Com apenas 23 anos e um recorde — 1º lugar em 18 semanas nas paradas — feito antes atingido apenas pelos saudosos Bee Gees, Adele parece que chegou para ficar de vez e embalar outros temas de viagens, namoros e amizades.

Adele na capa de seu álbum 21

Capa da Rolling Stone

Fotos: Reprodução

Categorias: Comportamento
Publicado por Lu Mich

Posts relacionados

  • Do bazar para o closet
    Sou fã do REI!! Neste caso não do Roberto Carlos, e sim do Reinaldo Lourenço, estilista genial que transforma qualquer mortal numa elegante mulher. Sempre que posso, aumento a minha modesta coleção com suas roupas maravilhosas e não perco... Continue lendo
  • Riachuelo: macacão versão areia
    Hoje vou mostrar o mesmo outfit da coleção Fashion Five da Riachuelo, mas em outra cor e com outra modelo (Eu!!). O macacão da Huis Clos, feito em duas cores, marinho e areia, agradou as fashionistas pelo seu caimento... Continue lendo
  • Bárbara Paz no Studio W
    Quando eu recebi o convite da Mari Cavalheiro, do Studio W/ Pátio Higienópolis, para uma beauty session, com a presença da atriz Bárbara Paz, logo pensei “Ih, vai ser aquela frescurada”. Julgamentos pré-concebidos, geralmente estão errados — e foi... Continue lendo
Comentários
  1. Beto | Responder
  2. Bianca Perri | Responder
  3. Maria Alice | Responder
  4. Natalia | Responder
  5. amulherdochef | Responder
  6. Caro | Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *