Hoje pela primeira vez em MIAMI, eu me senti em outro lugar fora dos Estados Unidos.

Sem fazer críticas, mas além de compras, restaurantes e praia, Miami até então – para mim – não tinha outro atrativo.

Quando disse para o door man do hotel que estava indo para um museu, o tal fez uma cara de espanto e mal acreditou no que acabará de ouvir, não à toa, a maioria dos meus compatriotas querem mesmo é fazer shopping o tempo todo.

Segui para South Miami Avenue até chegar ao Museu VIZCAYA, uma propriedade do magnata de Chicago Sr. James Deering (1859-1925).

A mansão atualmente é um monumento histórico, e ocupava no passado 73 hectares, o que hoje em dia passou para 20 hectares – inspiradas nas mansões européias, particularmente nas vilas do norte da Itália, Vizcaya adaptou as plantas nativas ao visual europeu.

A construção da Casa Principal durou dois anos, foi decorada com obras de arte e antiguidades trazidas da Europa.

Os jardins são um caso à parte, concluídos em 1922, incluem plantações geométricas, elementos arquitetônicos e esculturas. São localizados entre o manguezal e a floresta nativa, o que faz de seu fundador um dos primeiros ambientalistas de Miami.

Após a morte de Mr. Deering, a mansão passou para as mãos dos herdeiros, que apenas a usavam esporadicamente.

Com o furacão de 1926, a propriedade sofreu sérios danos e foi só em 1952, que o Condato de Miami-Dade adquiriu a propriedade transformando em casa-museu abrindo as portas para o público.

Infelizmente, não se pode tirar fotos do interior da mansão, mas dos jardins sim. Então, aqui vai um pouco da prazerosa visita de hoje.

Fotos: DQZ

Categorias: Viagens
Publicado por Lu Mich

Posts relacionados

  • Setai & Mandarin – uma difícil escolha
    Quando viajamos, temos sempre aquela expectativa em relação ao hotel, e principalmente ao nosso quarto dentro do hotel, não é mesmo?! bom, eu pelo menos tenho muita, confesso que estar confortavelmente bem instalada deixa a minha viagem vários porcentos... Continue lendo
  • DE PERNAS PARA O AR
    Pois é, ainda estou com o pé na estrada, e confesso que ando meio preguiçosa. Conciliar a vida de blogueira, sempre atenta as últimas tendências e babados do momento não está sendo uma tarefa das mais fáceis, mas eu... Continue lendo
  • Wynwood Walls Miami
    Entrar em Wynwood Walls para nós blogueiras, é o equivalente a entrar num parquinho de diversão para uma criança pequena. Nós, que pertencemos a esta tão peculiar raça, somos acometidas por uma instantânea reação, saímos fotografando como loucas. Apesar de... Continue lendo
Comentários
  1. Mónica Melo! | Responder
    • Luciana Micheletti | Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *