Eu sou conhecida pelas minhas amigas, como a rainha do preto, mas acabei caindo de amores por um blazer escandalosamente florido e colorido. A primeira vez que eu vi esse excesso de cores, não tive coragem de comprar e fui embora.

Mas, o tal blazer não saia da minha cabeça e num rompante, voltei à loja e acabei comprando mesmo assim.

Chegando em casa e olhando para o meu closet, pensei, e agora vamos combinar com o que?!

Resolvi segurar a onda do colorido, inspirada em um post meu aqui, com a colorida Viviana Volpicella e encarei as cores com naturalidade.

Parti logo, para uma calça vermelha e contrabalancei com  blusa e sapato preto (obviamente), porque aàtambém seria muita alegoria para uma pessoa como eu monocromática ao extremo, usar mais que tres cores no mesmo look.

Achei o meu look super divertido, alegre e confesso que adorei o blazer, tenho certeza que ele fará parte de vários outros looks aqui pelo DQZ.

E foi desse jeito, que eu eu fui vestida para o meu encontro com as minhas amigas blogueiras e a atriz Bárbara Paz.

E assim, como a personagem de Bárbara na peça HELL, eu, também passarei direitinho a descrição das marcas das roupas que eu usei para montar esse… look escandalosamente florido.

LuMich veste:

Calça Zara

Camiseta Banana Republic

Blazer Zara

Sapato Side Walk

Colar 3:AM

Fotos: Vanessa Araujo e Fê Waibel (amigas bloggers) para o DQZ

Posts relacionados

  • Rolling in the deep
    IMPORTANTE antes de começar a ler este post, aperte o play!! Viajar é ótimo — ponto. Voltar para casa é melhor ainda. Além das lembranças, das fotos, dos presentinhos,  quando você consegue transformar uma música em tema da sua... Continue lendo
  • Preview de inverno Fernanda Kujawski
    A estilista Fernanda kujawski, conhecida pelo sofisticado DNA de sua grife homônima, veste mulheres que sabem explorar sua feminilidade, ao mesmo tempo que são antenadas sobre o mundo e a moda. Nessa tarde de quarta-feira, Fernanda, recebeu amigas e... Continue lendo
  • Fifties inspired
    O meu lado romântico falou mais ALTO e eu acabei sucumbindo e comprando esse vestido meio cinquentinha. Adoro a silhueta dos vestidos rodados e comportados da época. Então, eu me joguei na minha versão 50’s com direito a casaquinho... Continue lendo
Comentários
  1. Renata Carvalho | Responder
  2. Inspirations And Elations | Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *